Estudante de escola na zona leste desenvolve aplicativo de saúde bucal

Estudante de escola na zona leste desenvolve aplicativo de saúde bucal

Autora do projeto, Gabriela Ferrari, além de estudante da Escola Makiguti, é a primeira colocada no concurso para Técnico em Saúde Bucal de Limeira.

Imagine encontrar informações sobre doenças, prevenção, técnicas de escovação, atualidades da área da saúde e até vídeos sobre saúde bucal de uma só vez em um aplicativo. Esse foi o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) da aluna Gabriela Ferrari, do último semestre do curso técnico em Saúde Bucal (TSB) da Escola Técnica de Saúde Pública Professor Makiguti, entidade ligada à Secretaria Municipal de Trabalho e Empreendedorismo (SMTE), localizada em Cidade Tiradentes. Ela desenvolveu um aplicativo para smartphones que possibilita o acesso a diversas informações sobre cuidados bucais, é o “Sorrir Digital”, que está disponível na Play Store dos aparelhos que funcionam com sistema Android.

Segundo Gabriela, a ideia surgiu para unir informação e tecnologia. “Atualmente temos acesso a inúmeros aplicativos de milhares de assuntos diferentes. Mas a saúde é um tema importante, que precisa ser tratado de forma ampla”. A aluna ressalta que o programa já teve quase 500 downloads e que também exibe vídeos e informações feitos pelos próprios alunos da Makiguti.

Além de autora do projeto, que alcançou nota 10 na banca examinadora, Gabriela também é dona de outro feito do qual se orgulha muito. A estudante passou em primeiro lugar no concurso para TSB da Prefeitura de Limeira, interior de São Paulo. Ela explica que na classificação geral foi registrada na segunda posição por critérios de desempate com a primeira colocada, mas que sua pontuação foi de liderança na prova. “Eu fique muito feliz, pois isso significa uma mudança muito grande na minha vida. Sou formada em Tecnologia da Informação com 15 anos de experiência em processos e telecomunicações. Mas foi no TSB que eu me encontrei, é isso que quero fazer”, explica.

Recentemente, a aluna também foi uma dos 10 finalistas dos projetos de Pré-iniciação Científica da Universidade de São Paulo (USP). Gabriela desenvolveu um questionário para traçar o perfil dos alunos egressos da Makiguti. Questões sobre trabalho, oportunidades na carreira, remuneração, acesso à informação de vagas, entre outros itens, foram inseridos no formulário com o objetivo de traçar um panorama dos ex-alunos de Saúde Bucal da unidade. Até o momento, o questionário recebeu mais de 200 respostas.

Gabriela se muda, em breve, para Limeira, onde irá começar sua primeira experiência na área TSB. Ela faz parte dos mais de 5 mil alunos formados pela Escola Makiguti, que oferece cursos técnicos em Saúde Bucal, Farmácia, Análises Clínicas e Gerência em Saúde. Para ingressar na unidade o candidato deve prestar um Vestibulinho, realizado duas vezes ao ano.

Reportagem: Da redação. Foto: Divulgação.

Nenhum Comentário