Prefeitura relança atendimento online da Central de Intermediação em Libras

Prefeitura relança atendimento online da Central de Intermediação em Libras

Prefeitura relança atendimento online da Central de Intermediação em Libras
Serviço reformulado pela Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência (SMPED) atende população surda de forma remota com intérpretes ao vivo

Pessoas com deficiência auditiva, desde 24 de abril, podem acessar os serviços da Central de Intermediação em Libras (CIL). O sistema está disponível por meio de plataforma digital e é possível contatar ou utilizar os serviços públicos do município.

O sistema online, que foi desenvolvido especificamente para a Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal com Deficiência, oferece intermediação na comunicação por vídeo entre pessoas com deficiência auditiva e serviços públicos, com intérpretes de Libras em tempo real.

O evento de apresentação da nova plataforma foi realizado no mesmo dia, na Biblioteca Mario de Andrade. A data foi escolhida em alusão ao Dia Nacional da Língua Brasileira de Sinais e ao Dia Nacional de Educação de Surdos (23/04).

De acordo com o Censo 2010 do IBGE, a capital possui 516 mil pessoas que se auto declararam com alguma deficiência auditiva, sendo 120 mil surdos usuários da Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS ou com grande dificuldade em ouvir e ainda cerca de 250 pessoas com surdocegueira.

Como funciona

O novo sistema funcionará da seguinte forma: os munícipes com deficiência auditiva poderão fazer download do aplicativo “CIL – SMPED”, disponível gratuitamente para celulares e tabletes Android ou IOS e computadores, via website. Quando acionado, o serviço faz a mediação entre surdo e intérprete.

A SMPED disponibilizará também, por meio deste serviço, o software para atendimento em Libras em estabelecimentos públicos. Nesses postos, a equipe do local que fará por meio da plataforma online o contato com a Central de Libras. O munícipe apresentará sua questão/dúvida em Libras e o app triangula a comunicação entre intérprete, surdo e ouvinte.

 “O objetivo da CIL é promover a autonomia das pessoas com deficiência auditiva. A SMPED tem um papel fundamental de garantir o cumprimento dos direitos e inclusão das pessoas com deficiência, apresentando um projeto reformulado e sempre contando com o apoio da comunidade surda, para que o serviço seja referência nacional, como um dos melhores do país!”, esclarece o Secretário Municipal da Pessoa com Deficiência, Cid Torquato.

Sobre a Central de Intermediação de Libras

A Central de Libras funcionará como mediadora na comunicação entre pessoas com deficiência auditiva e surdocegos no atendimento em qualquer serviço público instalado na cidade de São Paulo.

O programa atende em três modalidades: “in loco” para pessoas surdocegas, presencial e digital. Presencialmente, o solicitante se dirige até a CIL (Rua Libero Badaró, 425, 32º andar), onde um intérprete o auxiliará.

A CIL Digital funcionará de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 7h às 19h. As solicitações e agendamentos poderão ser feitas pessoalmente ou por telefone e WhatsApp pelo (11) 96470- 4414. Já o atendimento presencial e in loco são realizados das 9h às 17h pelo e-mail agendamento.cil@prefeitura.sp.gov.br

Reportagem: Da redação. Foto: Divulgação.

Comentários